E finalmente… temos um filme!

Olá a todos 🙂 estamos muito contentes de, finalmente, parar e atualizar esta página com ótimas notícias. Sim, finalmente temos um documentário!

Domingo passado nos entregaram em mãos o nosso querido DCP (a cópia do filme para Cinema Digital) e na próxima quinta, 13 de julho, vamos começar a mostrar o Voadores ao mundo: desta vez em um evento fechado, aos crowdfunders, família e equipe em Barcelona. Não é uma estreia comercial, mas esperamos que vocês possam assistir em breve em Festivais do mundo inteiro.

Está bem; mas como foi que chegamos até aqui? O que aconteceu durante toda esta fase de Pós-produção? Faremos um pequeno resumo de tudo, visto que não pudemos fazer isso durante o processo em si.

Há 9 meses atrás (como uma gravidez rs) fomos para a Galicia para começar a montagem do filme. Tínhamos quase 28 horas de entrevistas, além de tudo o resto: velhas fitas caseiras e novo material profissional sobre a Nathália, necessários para contar a sua história e introduzir o assunto do filme: as experiências fora do corpo.

Começamos com ótimas reuniões com Brân González Patiño, que nos ajudou muitíssimo e começou a montar algumas sequências pessoais, enquanto discutíamos cada dia a estrutura e o roteiro do filme enquanto a Nathália voltava a escrever a voz em off.

Também usamos esse tempo para selecionar o material das entrevistas, passando de 28 para 7 horas, até chegar aos 73 minutos de entrevistas. Ainda era muito (mas muito melhor que 28 horas, claro) pois a duração máxima do filme deveria ser de 90 minutos e ainda era necessária toda a parte de “Nathália” no documentário… portanto, seguimos cortando.

Quem também veio para a Galicia em outubro/novembro foi Jabi Nespral, nosso músico e compositor da trilha sonora original do Voadores. Ele esteve conosco desde o início, por isso pudemos falar sobre as principais emoções do filme, referências de trilha sonora, instrumentos, etc. E desde então, Jabi trabalhou duro em uma belíssima trilha da qual estamos muito orgulhosos.

Para algumas pessoas analógicas como a Nathália, foi muito útil escrever, cortar e brincar com todo o texto do filme – desde a voz em off até as entrevistas – como se fosse um quebra-cabeça:

Captura de pantalla 2017-07-11 a la(s) 14.13.28

Também tivemos a oportunidade de falar sobre as experiências fora do corpo em um programa muito legal de rádio, “Todos somos sospechosos”, na RNE3 (Rádio 3, Espanha) com um dos entrevistados do Voadores, Pau Hernández. Você pode ouvir aqui se quiser, a partir do minuto 41 (em espanhol):Radio3Quando voltamos da Galicia, ainda tínhamos muito que fazer. E continuamos montando até o dia 1º de janeiro de 2017. Sim, começamos o ano com o nosso primeiro esqueleto completo do Voadores! Mas isso foi só o começo… essa foi a primeira de muitas versões, revisões, filmamos um pouco mais para apoiar alguns momentos do documentário, etc. O mesmo acontecia com a trilha sonora: fomos definindo o que gostávamos mais, o que gostávamos menos, quais versões funcionavam melhor e todas as mudanças necessárias. Tivemos ótimas reuniões via Skype com diferentes partes da Espanha, entre a Nathália (a diretora em Barcelona), Jabi (o compositor em León) e Eloy (o diretor de fotografia em Asturias).

Skype OST

Finalmente no dia 25 de abril chegamos à última versão de montagem do Voadores, enquanto ajustávamos a duração dos planos à trilha sonora original com o Jabi, desta vez sim, todos juntos reunidos em León.

pospo_jabi_retouch

Foi assim que chegou o mês de maio e começamos a conformar todo o material para a Correção de Cor e a Montagem de Som. Jesús RCP, da Antaviana Films (Barcelona), foi a pessoa que nos ajudou desde o início. Aprendemos muitíssimo de pós-produção com ele nos últimos tempos!

pospo_jesus_retouch

E então fomos para Berlin, onde mora atualmente o nosso colorista, Juan Galva. Estivemos ali quase uma semana, trabalhando na sala da Celluloid Visual Effects e dando finalmente o look desejado ao documentário. É ótimo ver o filme com as cores que queremos, após tanto tempo trabalhando com imagens lavadas!

pospo_berlin_retouch

Quando voltamos da Alemanha, seguimos trabalhando com a montagem de som e a mixagem final, gravando a voz em off com o Pol Galofre, nosso designer de som, no estúdio da La Bonne (Barcelona). Não pudemos gravar tudo em um dó dia, por isso aqui temos algumas fotos da primeira sessão…

compol_baixadafb

Durante todo o mês de junho também preparamos as legendas do filme ao espanhol, português e inglês, o pôster para os cinemas, toda a papelada para o Ministério de Cultura e vários processos burocráticos que nem sabíamos que eram necessários ao fazer um filme. A pessoa se sente um super-herói chegando até aqui.

… E foi assim, com tudo isso, que nasceu a ONIRIA, a nossa nova produtora audiovisual!

LogoOniria_Reg copia

Mas este não é o fim; na realidade é só o começo. Ainda temos que mudar pequenas coisas da mixagem de som e voltar a fazer mudanças nas legendas em inglês, mas agora começamos a  colher os frutos do nosso trabalho e isso é gratificante!

Obrigada a todos pelo apoio e um grandíssimo obrigada a nossa equipe, a Antaviana, La Bonne, Celluloid, Película Invertida e Rottenhorses. Foi maravilhoso percorrer este caminho ao lado de vocês.

Anúncios

2 comentários sobre “E finalmente… temos um filme!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s